tempos médios de espera

Hospital Particular Alvor

Superior a 1H30

Atendimento Urgente

Hospital Particular Gambelas

01h23m

Atendimento Urgente

00h00m

Pediatria

Hospital Particular da Madeira

Superior a 1H30

Atendimento Urgente

00h00m

Pediatria

Madeira Medical Center

00h00m

Atendimento Urgente

Dr. Hugo Nascimento

Dr. Hugo Nascimento

Médico Dentista

 

 

 

A arte de um sorriso…

HPA Magazine 21 // 2024

 

Se os olhos são o espelho da alma, o nosso sorriso é a forma como nos apresentamos ao mundo, à nossa família, amigos ou desconhecidos.
A medicina dentária cosmética tem evoluído de forma exponencial, fruto de uma crescente consciência e perceção por parte dos pacientes, pois estes, são cada vez mais autoconscientes, procurando ativamente soluções para melhorar o seu sorriso, quer por razões meramente estéticas, quer por razões funcionais. Porém, ambas, estética e função, trabalham sempre em conjunto e uma é o resultado da outra, contribuindo para a melhoria da autoestima e confiança.

 



 

Todos os dias somos bombardeados com “soluções miraculosas”, como se a ciência fosse munida de uma varinha mágica; palavras e expressões como “facetas”, “lentes de contacto”, “digital smile design”, “implantes”, “coroas”, “overalays” são uma presença constante em todos os meios de comunicação.
De facto, vivemos tempos muito estimulantes no que concerne a avanços na medicina, e a medicina dentária não é exceção. A evolução da tecnologia e dos materiais fornecem ao médico dentista ferramentas para dar a melhor resposta e solução aos desejos e anseios dos nossos pacientes. Porém, e tal como a célebre frase de um filme “com grande poder vem grande responsabilidade”, cabe ao médico dentista escolher o tratamento mais adequado para cada caso, pois se cada paciente é único, assim também deve ser o seu sorriso. Elevados padrões éticos devem acompanhar os elevados padrões estéticos e de mimetização da natureza.
Na Dental HPA, queremos que os nossos pacientes ouçam “que dentes tão bonitos tens” e não “tens um bom dentista”, já que esta última frase indica que o nosso sorriso não é naturalmente bonito e atraente.
Assim, e, no campo da medicina dentária cosmética, arte e ciência são indissociáveis. E tudo começa numa avaliação cuidadosa do paciente como um todo.
Dos tratamentos disponíveis atualmente, o branqueamento dentário é das opções menos invasivas, permitindo resultados surpreendentes quando bem aplicado, podendo ser usado, ou não, em conjunto com outras técnicas. É um procedimento relativamente simples e pode ser realizado no consultório ou em casa, sempre com supervisão médica (Figura 1).
Outra opção são as restaurações estéticas, que podem ser usadas para corrigir pequenas falhas ou imperfeições dos dentes, tal como cáries, fraturas ou desgaste dentário (Figura 2).
As facetas dentárias em cerâmica, ou lentes de contacto dentárias, são finas lâminas de cerâmica que são aderidas sobre a estrutura dentária, permitindo corrigir forma, cor e até ligeiras más posições dentárias de forma previsível e conservadora.
Podem ser usadas apenas num dente (Figura 3) ou fazer parte de um tratamento mais abrangente, envolvendo vários dentes (Figura 4).
O mesmo se passa com as coroas, que quando a estrutura remanescente do dente contraindica a colocação de uma faceta, as coroas podem ser uma das opções com melhor indicação para melhorar o sorriso, devolvendo a função e a aparência natural dos dentes. Não é raro combinar as diferentes técnicas (Figura 5 e Figura 6).
As reabilitações implanto suportadas são indicadas para casos mais complexos e extremos onde a ausência de dentes ou o prognóstico dos mesmos impede a utilização das técnicas descritas até agora. As reabilitações implanto suportadas podem solucionar a ausência de um dente (Figura 7) ou no limite, devolver toda a dentição perdida, as chamadas reabilitações totais implanto suportadas (Figura 8).
Esta opção de tratamento consiste na colocação de implantes dentários, normalmente em titânio, havendo também a possibilidade de serem em zircónia, estes implantes colocados em posições determinadas e planeadas previamente com o máximo detalhe e precisão, funcionam como “fixações” ou base de apoio sobre as quais podemos, de forma fixa, colocar dentes ou pontes, proporcionando um sorriso completamente novo e funcional (Figura 9).
 

Em conclusão, a medicina dentária estética oferece várias opções de tratamento para melhorar a aparência dos dentes e proporcionar um sorriso mais bonito e harmonioso. Cabe ao médico dentista e à equipa multidisciplinar que integra, avaliar cada caso individualmente e selecionar a opção de tratamento mais adequado para cada paciente. É crucial planear e executar o tratamento de forma exímia e criteriosa, garantindo a satisfação e felicidade dos (nossos) pacientes.