News

Dia Mundial Da Alimentação - O impacto ambiental do consumo de carne bovina

Hoje celebra-se o dia Mundial da Alimentação e o Grupo HPA não poderia ficar indiferente à temática sugerida pela Food and Agriculture Organization (FAO) este ano: a promoção de uma “Alimentação saudável e sustentável “disponível e acessível para todos. Conheça as estratégias para uma alimentação mais sustentável.

Neste dia importa não só reflectir sobre as nossas escolhas alimentares, mas também acerca do impacto das mesmas no planeta.

O consumo excessivo de carne bovina é considerado por muitos especialistas um dos fatores com maior impacto ambiental.

Isto justifica-se não só pela superfície ocupada pelas áreas de pastagens necessária para a criação de gado bovino e relativamente por exemplo às aves, à quantidade de água consumida tanto pelos animais, quanto a utilizada nos processos de produção necessários destes animais. Além disso, os gases emitidos pelos bovinos (por eructação e flatulência) nomeadamente o metano, quando comparados às emissões produzidas pelos automóveis são superiores, contribuindo para o aquecimento global do planeta, não esquecendo também toda a energia necessária durante este processo.

Do ponto de vista nutricional também sabemos que a redução da ingestão de carnes vermelhas (menos gorduras saturadas) traz vantagens na prevenção de algumas patologias como a obesidade e doenças cardiovasculares.

Neste sentido, o consumo frequente deste tipo de carnes para além de ser mais dispendioso e menos saudável, também não parece ser a melhor opção, sobretudo se pensarmos que até 2050 teremos de alimentar um total de 9,7 mil milhões de pessoas no mundo.

Estratégias para uma alimentação mais sustentável:

  • Diminuir o consumo de produtos de origem animal, introduzindo 1 dia na semana totalmente vegetariano
  • Aumentar o consumo diário de leguminosas, criando o hábito de consumir 1 porção de feijão, grão, ervilhas, lentilhas ou favas por dia (25g de leguminosas secas)
  • Substituir ou reduzir a quantidade de carnes vermelhas e seus produtos processados (hamburgers, salsichas, pré- embalados) optando por carnes de aves simples
  • Preferir o peixe à carne, garantindo a ingestão mínima de peixe 3 dias por semana
  • Reduzir o desperdício alimentar no dia a dia; confecionar uma refeição que tenha em atenção as sobras que podem ser utilizadas na preparação de um novo prato

 

Conhecer algumas receitas saudáveis

Ver