waiting times

Hospital Particular Gambelas

00h22m

Medical Emergency

00h53m

Paediatrics

Madeira Medical Center

00h29m

Medical Emergency

News

Dia Mundial a Diabetes

Hoje Dia Mundial a Diabetes alertamos para a importância da multidisciplinariedade no acompanhamento do utente. Leia os conselhos da nossa nutricionista Dra. Marina Augusto Estêvão e do internista e responsável pela consulta da diabetes, Dr. Ricardo Louro. A Consulta Médica de Diabetes é de extrema importância para se otimizar a estratégia terapêutica, colocando o doente no centro de todas as decisões e vencendo a inércia terapêutica. Contudo, esta torna-se insuficiente para esta patologia tão diversificada e complexa, que obriga a uma alteração dos estilos de vida, com vista a atingir o controlo metabólico de acordo com o objetivo individualizado do doente.

É aqui que surge o seguimento complementar da Consulta Médica de Diabetes com a Consulta de Nutrição, Programas de Exercício Físico, Ensinos da Equipa de Enfermagem em Hospital de Dia e as Consultas Médicas de Especialidade.
Com o diagnóstico de Diabetes surgem muitas vezes dúvidas relativamente ao tipo de alimentação a adotar. Infelizmente, ainda estão enraizados vários mitos que poderão confundir e prejudicar o bom controlo da doença.

“Não posso comer batatas, arroz nem massas!”
“Frutas só mesmo maçã ou pera!”
“Já deixei de comer pão, passei a comer granola, mas a glicemia anda sempre alta!”
“Comprei bolachas sem açúcar e é o que tenho andado a comer ao longo do dia”

Estas são algumas das ideias com que os utentes chegam à Consulta de Nutrição.
O encaminhamento para a Consulta de Nutrição mostra-se relevante, na medida em que o utente aprende, não só a comer de forma variada e equilibrada, mas também numa fase mais avançada a contabilizar a sua ingestão de hidratos de carbono.
Nos doentes insulinotratados permite individualizar o tratamento, com cálculos relativamente às unidades de insulina a administrar tendo em consideração as quantidades e tipo de alimentos que ingeriu.
Uma dieta equilibrada desempenha assim um papel fulcral em TODOS os doentes diabéticos. Em conjunto com o exercício físico regular e um plano alimentar bem estruturado a perda ponderal em pacientes diabéticos obesos tem-se mostrado muito relevante no controlo da patologia.